Guia de como abrir uma imobiliária

O mercado imobiliário é um dos mais valorizados da economia e apresenta reais possibilidades para os empreendedores que buscam ter um negócio promissor. Nesse sentido, saber como abrir uma imobiliária da forma correta é o primeiro passo para uma jornada de sucesso.

Para isso, estabelecer um planejamento específico é indispensável para organizar o negócio e se inteirar melhor das questões mercadológicas — sobretudo, identificar oportunidades, definir os objetivos com clareza, criar diferenciais para atrair clientes e superar a concorrência.

Se você deseja empreender no mercado imobiliário é imprescindível compreender todas as etapas essenciais para começar suas atividades. Pensando nisso, confira neste post os principais passos sobre como abrir uma imobiliária e superar todos os desafios iniciais!

O crescimento do mercado imobiliário

O sonho da casa própria é comum a milhares de brasileiros, que buscam ter autonomia e liberdade, seja adquirindo ou alugando um imóvel. Sendo assim, todos os anos a procura por apartamentos e casas é elevada mesmo durante períodos de instabilidade econômica.

Segundo notícia publicada pela Abecip – Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança, o mercado imobiliário apresentava uma perspectiva de crescimento de 30% ainda em 2021, apesar dos momentos de crise vividos nos últimos anos. 

Nesse sentido, é um setor diversificado e mesmo com a competitividade, oferece oportunidades interessantes para os empreendedores. Sobretudo, devido à valorização dos imóveis ao longo do tempo, o que permite alcançar bons lucros nas negociações.

Como abrir uma imobiliária de sucesso

As etapas iniciais de um negócio são consideradas as mais desafiadoras em toda a trajetória e toda decisão tem impactos diretos no desempenho. Por esse motivo, é imprescindível ter atenção especial e analisar todos os passos necessários para tirar a ideia do papel.

Em outras palavras, o planejamento inicial é determinante para o sucesso do negócio e deve ser estabelecido de forma estratégica e realista. Trata-se de um momento delicado, repleto de análises e extremamente importante para alcançar os objetivos.

Veja nos próximos tópicos, quais os passos para abrir uma imobiliária!

Faça um plano de negócio

O planejamento é uma estratégia importante para qualquer área e deve fazer parte da rotina dos empreendedores. Diante disso, elaborar um plano de negócios é a melhor alternativa para descrever ações e aspectos relevantes do mercado e público-alvo.

Para ter um plano de negócios consistente para a imobiliária, é preciso constar os seguintes fatores:

  • análise de mercado;
  • análise da concorrência;
  • estudo do público-alvo;
  • missão, visão e valores;
  • análise do portfólio de imóveis;
  • plano de marketing;
  • plano financeiro;
  • objetivos e metas.

Portanto, estruturar o plano de negócios vai ajudar a entender melhor como estabelecer o negócio, reduzindo custos sem comprometer a qualidade. Além disso, é uma ferramenta que facilita a tomada de decisões, por isso, conte com apoio profissional para ter um documento enriquecedor.

Defina a especialidade

O setor imobiliário é diversificado e você pode atuar em diversas vertentes, como compra, venda e locação. Embora oferecer serviços abrangentes seja uma boa ideia, ter uma especialidade definida vai ajudar a identificar a melhor forma de ter lucratividade.

Sendo assim, reflita e estude como a imobiliária vai se posicionar no mercado — se pretende trabalhar com imóveis mais luxuosos, mais acessíveis, residências ou comerciais — é o momento ideal para estruturar o seu portfólio de imóveis para oferecer aos clientes.

Faça o planejamento financeiro

O direcionamento dos investimentos iniciais e a gestão financeira são cruciais para a sobrevivência da imobiliária. Em vista disso, faça o planejamento financeiro previamente, levantando todos os custos e investimentos necessários para iniciar as atividades.

É preciso pensar que você deverá ter recursos disponíveis para arcar com despesas até a imobiliária começar a apresentar resultados. Portanto, tudo deve ser bem dimensionado, sem ter excessos e conduzido por uma gestão criteriosa.

Algumas boas práticas de gerenciamento financeiro são:

  • centralize informações;
  • evite misturar finanças;
  • use a tecnologia;
  • defina estratégias para evitar inadimplência;
  • estruture um sistema de cobranças;
  • monitore o fluxo de caixa.

Considere as exigências legais

Antes de começar a atuar no mercado, é necessário garantir a legalidade da imobiliária. São diversas obrigatoriedades que você precisa atender antes da abertura do negócio para regularizar as atividades e desenvolver um trabalho livre de transtornos.

De forma geral, as principais exigências legais para uma imobiliária são:

  • contrato social;
  • registro na junta comercial;
  • obtenção do CNPJ;
  • registro municipal;
  • registro no cartório;
  • alvará de localização e funcionamento;
  • inscrição na Receita Federal
  • registro no Creci.

Defina a estrutura necessária

Apesar da infraestrutura para o funcionamento da imobiliária ser simples e não exigir grandes investimentos, é necessário ter cautela. A equipe precisa contar com todos os recursos para atender e oferecer uma boa experiência para os clientes.

Portanto, pense na estrutura para o estabelecimento físico e para o virtual, contando com bons computadores, mobílias, e um software imobiliário. Além de avaliar tudo o que é necessário para garantir espaços confortáveis para recepcionar os clientes.

Crie um portfólio de imóveis

Toda imobiliária de sucesso precisa ser mais abrangente e dinâmica, oferecendo opções para perfis de clientes variados. Por isso, para começar bem é importante criar um portfólio de imóveis diversificado, para atender as necessidades de todo o público.

Esse fator é muito importante para acelerar os resultados e concretizar negócios com rapidez, evitando perder oportunidades. Inclusive, ajuda a identificar qual a especialidade de imóveis é mais atrativa e compatível com as suas pretensões.

Considere as estratégias de divulgação

O marketing imobiliário é indispensável para abrir o seu negócio e deve ser considerado nos investimentos iniciais. Consiste em um conjunto de técnicas para apresentar a marca ao público e atraí-los, criando um relacionamento e oportunidades de negócios.

Diante disso, conte com o apoio de profissionais especialistas para criar campanhas e estratégias de marketing eficientes e de acordo com o público. Algumas medidas indispensáveis são as seguintes:

  • desenvolvimento do site;
  • definição de propagandas online e offline;
  • presença nas redes sociais;
  • estratégias de captação de clientes;
  • marketing digital e de conteúdo.

Determine os procedimentos de gestão

As ações e procedimentos de gestão precisam ser estabelecidos com antecedência, ou seja, antes mesmo de abrir a imobiliária. Trata-se de uma etapa muito importante para garantir o controle, fluxo de atividades e a harmonia de todos os profissionais.

Em vista disso, defina e padronize as documentações, estruture as funções, determine as regras, sobretudo, estabeleça a gestão financeira. Criar políticas bem definidas para cada tipo de situação na imobiliária, permite ter uma comunicação transparente e evitar complicações.

Selecione a sua equipe

Outro ponto relevante que você precisa considerar no planejamento é a estrutura da equipe na imobiliária. Normalmente, um negócio que está em fase inicial precisa de contar com profissionais para o atendimento e corretores de imóveis, pois os serviços contábeis e outros podem ser terceirizados.

À medida que a imobiliária cresce no mercado, é possível sentir a necessidade de readequar o time e contar ter um esquema organizacional mais completo. Entretanto, dê um passo de cada vez e contrate apenas os profissionais necessários para o início das atividades.

Faça treinamentos com o time

Por fim, antes de iniciar as atividades comerciais, realize treinamentos com todos os integrantes do time, de acordo com as funções. Assim, você vai garantir que todos estejam alinhados com os objetivos, trabalhem em sintonia e com um bom clima organizacional.

Apesar de parecer algo irrelevante, a capacitação da equipe está diretamente relacionada com a qualidade dos atendimentos. Afinal, profissionais motivados sabem o que fazer para agradar o cliente e elevar as oportunidades de fechar bons negócios.

Como começar a realizar a locação de imóveis

Muitas imobiliárias trabalham apenas com a venda de imóveis — que é uma vertente que oferece bons resultados. No entanto, a locação vem despertando atenções e se consolidou com uma oportunidade extremamente vantajosa para os negócios.

Sendo assim, para adaptar o setor de locação na imobiliária é indispensável adequar o setor financeiro e jurídico, que atua de forma específica — para garantir o bom andamento, preservar os direitos dos clientes e evitar danos aos resultados.

Portanto, para começar a trabalhar com locação você deve ter atenção aos seguintes aspectos:

  • cláusulas contratuais com direitos, deveres e obrigações;
  • condições de locação de imóveis;
  • confecção de recibos;
  • elaboração de contratos de locação;
  • emissão de boletos;
  • emissão de nota fiscal;
  • gestão das garantias locatícias;
  • gestão de cobrança;
  • gestão de seguros;
  • procedimento para conciliação bancária;
  • procedimentos de recebimento de aluguéis;
  • reajustes e as renovações.
  • repasse de aluguel aos proprietários;
  • verificação de contas;
  • treinamento da equipe;
  • comunicação clara com os proprietários;
  • procedimentos para a vistoria de imóveis.

 O processo de locação requer um relacionamento longo, por isso, é preciso ter atenção sobre os compromissos financeiros estabelecidos entre as partes. Para gerar a fidelização, promova uma boa experiência e garanta a transparência em todo o processo.

Você percebeu neste artigo, que saber como abrir uma imobiliária da forma correta e inteligente é um grande passo para o sucesso do negócio. Portanto, considere as informações deste guia e estude bem o mercado para elevar suas oportunidades.

Gostou do post? Agora que você já sabe o que é preciso para abrir uma imobiliária, o que acha de ler outro conteúdo e aperfeiçoar ainda mais seus conhecimentos? Não perca tempo e veja agora mesmo qual a anatomia da imobiliária de sucesso!

Cadastre-se
para receber
conteúdo
exclusivo

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.